domingo, 26 de outubro de 2008

A poesia do Cantigas Praianas


Grupo Cantigas Praianas e Grupo Teclas e Flautas em Harmonia
Convidam

Concerto de Leitura



A poesia do Cantigas Praianas




No Concerto de Leitura de Outubro as poetas-leitoras do Grupo Cantigas Praianas farão sua apresentação como autoras de textos em verso. É a oportunidade para que o público conheça o estilo de cada participante do Grupo.

Clara, Cynira, Marly e Neiva lerão poesias de sua autoria, algumas premiadas, outras publicadas em Antologias e sites de Literatura, numa amostragem de sua produção poética-literária. Clara, recém chegada à literatura; a participação mais recente de Cynira, é a classificação no III Concurso Pérolas da Poesia, de Guarujá; Marly, 1.º lugar no Concurso Nacional de Haicai Masuda Goga/2008, de São Paulo ; Neiva, 1.º e 4.º lugares no Concurso Nacional de Haicai Nempuku Sato/2008, do Paraná. As autoras conversarão com o público sobre sua obra.

Na parte musical a presença sempre agradável do Grupo Teclas e Flautas em Harmonia, de São Vicente, sob a direção musical da professora Mitsuca Miyashita. Solistas: Gabriel, Jéssica, Pedro, Cristina, Sabrina.



Aberto ao público.

Dia 31 de Outubro de 2008
Sexta-feira 20 horas
Biblioteca Municipal Mário Faria
Posto 6
Grátis.

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

28ª Bienal de São Paulo

Secretário executivo do MinC participa da abertura neste sábado, 25 de outubro
Começa neste sábado, 25 de outubro, na capital paulista, a 28ª Bienal de São Paulo. O secretário executivo do Ministério da Cultura, Alfredo Manevy, estará presente na cerimônia de abertura, às 15h, no Pavilhão da Bienal, no Parque Ibirapuera.

No período de 26 de outubro a 6 de dezembro, durante a realização da 28ª Bienal de São Paulo: “em vivo contato” o público terá a oportunidade de participar e contribuir para o processo de reflexão sobre o modelo e a cultura das exposições bienais no circuito internacional de arte e o papel da própria Bienal neste contexto.

Ao final dos 42 dias de exposição os curadores Ivo Mesquita e Ana Paula Cohen esperam que a Bienal reencontre sua especificidade e coloque novamente “em vivo contato” com seu tempo. São 42 artistas convidados, de 22 países, e quatro projetos especiais, que vão propor diferentes ferramentas para essa tarefa. A 28ª Bienal articula diferentes estratégias de exposição, debate e difusão.

O portal na web da 28ª Bienal permite ao público participar ativamente de debates através da adição de documentos e a definição de percursos e leituras individuais do evento. Além da programação completa da exposição, o endereço eletrônico disponibilizará os registros em vídeo das conferências e um banco de dados com informações sobre os artistas participantes e seus projetos. A 28ª Bienal conta com o apoio da Lei Federal de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura.

segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Ministro da Cultura lança nacionalmente o 'I Concurso Pontos de Leitura' nesta terça-feira, 14 de outubro, em Recife

O ministro da Cultura, Juca Ferreira, visita nesta terça-feira, 14 de outubro, às 15h, a Livroteca Os Guardiões, localizada em uma palafita na Comunidade do Bode (Rua Eurico Vitrúvio - Pina), no Recife. A casa, construída sobre a água, abriga inúmeros livros que diariamente são consultados pelas crianças da região.

O espaço de leitura será beneficiado com um convênio entre o Ministério da Cultura, por meio da Coordenação do Programa Mais Cultura, o Governo de Pernambuco e a Prefeitura do Recife com a finalidade de melhorar a estrutura de funcionamento da Livroteca.

A assinatura do termo acontecerá na Representação Regional Nordeste do Ministério da Cultura (RRNE/MinC), localizada à Rua do Bom Jesus, 237 (Recife Antigo), a partir das 16h30, ocasião em que o ministro Juca Ferreira fará o lançamento do I Concurso Pontos de Leitura.

Logo após às duas solenidades será exibido o documentário Miró: preto, pobre, poeta e periférico, dirigido por Wilson Freire. Na programação consta ainda a apresentação do Centro Cultural Luiz Freire (CCLF), Ponto de Cultura que desenvolve o projeto Quartas Literárias em Olinda, que mostrará uma intervenção dos 'poetas marginais' Silvana Menezes, Valmir Jordão e do próprio Miró.

Às 17h15, tem início a apresentação das ações de Livro e Leitura empreendidas pelo Programa Mais Cultura. Haverá uma programação cultural no térreo da RRNE/MinC com exposição de livros publicados pela Editora Coqueiro, que há 17 anos publica cordelistas e autores da cultura popular nordestina, além de declamações dos cordelistas Alan Salles e Cobra Cordelista. Já a Fundação Gilberto Freyre irá apresentar fotos e a nova edição fac-símile, publicada através de recursos captados via Lei Federal de Incentivo à Cultura, do livro ‘Guia Histórico e Sentimental do Recife’, lançado por Gilberto Freyre em 1937.

Leia mais.

Informações: (81) 3224-0561 ou 9196-1577, na Assessoria de Comunicação da RRNE/MinC.

(Assessoria de Comunicação Social do Ministério da Cultura)



Visite o site: http://www.cultura.gov.br/site/

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Autores, Artistas e seus Direitos

Tema do '3º Seminário do Fórum Nacional de Direitos Autorais', que será realizado neste mês de outubro, no Rio de Janeiro
Evento está com inscrições abertas e as vagas são limitadas
O 3º Seminário do Fórum Nacional de Direitos Autorais - Autores, Artistas e seus Direitos - promovido pelo Ministério da Cultura (MinC), a ser realizado entre os dias 27 e 28 de outubro, no Salão Itaipu, do Hotel Rio Othon Palace, em Copacabana, Rio de Janeiro, está com inscrições abertas. Desde dezembro de 2007, o ministério vem realizando uma série de encontros entre gestores públicos e a sociedade nacional em torno do tema dos direitos autorais, com vistas a modificações na lei que regulamenta o setor.

O primeiro seminário da série reuniu cerca de 500 participantes, no mês de julho, no Rio de Janeiro, para debater sobre a gestão coletiva dos direitos autorais e o papel do Estado. O segundo encontro foi em São Paulo, no mês de agosto, com um público de mais de 300 pessoas, e analisou o tema sobre a ótica dos usuários e consumidores dos direitos autorais.

O terceiro encontro traz o debate sobre os direitos dos autores de obras de arte e obras literárias e tem o propósito de levantar informações com os representantes do setor, sobre os benefícios e as dificuldades que enfrentam com a atual Legislação Autoral no país. As discussões do seminário vão abordar, também, a visão dos detentores de direitos autorais sobre as novas mídias e a globalização dos meios de comunicação, apurando os anseios e preocupações que têm quanto ao uso de seus trabalhos neste novo universo.

Todos os seminários são transmitidos ao vivo pela Internet e podem ser acompanhados, nos dias do evento, pelo site do Ministério da Cultura, no link Direitos Autorais, onde constam o conteúdo das palestras e os vídeos dos seminários anteriores. Outro espaço de discussão disponível no site é o Blog Direito Autoral, onde a sociedade pode postar comentários e fazer sugestões sobre os temas que estão sendo debatidos.

Veja o Programa do 3º Seminário.

As vagas são limitadas. As inscrições podem ser feitas aqui ou pelos telefones (61) 3037-6563 e 3037-6564.

Informações: (61) 3316-2070 na Coordenação-Geral de Direito Autoral do Ministério da Cultura.

(Comunicação Social/MinC)

Seminário

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Boca de Ouro no Rio de Janeiro


BOCA DE OURO - DE NELSON RODRIGUES ESTRÉIA NO TEATRO SESI EM OUTUBRO


"Boca de Ouro é a história de um bicheiro temido e respeitado – uma figura quase mitológica na comunidade onde vive - zona norte do Rio de Janeiro. Mandou arrancar os próprios dentes, substituindo-os por uma dentadura de ouro. Acreditava ainda que seria enterrado em um caixão todo em ouro. Diziam que ele ficava com as mulheres de homens casados e derretia suas alianças para fazer o caixão. As narrativas sobre um
homem poderoso e carismático que mantinha o auto-controle desde que não falassem de sua mãe e de como nasceu numa pia de gafieira. Em três relatos diferentes, a peça de Nelson Rodrigues descreve o personagem através de uma ex-amante do bicheiro Boca de Ouro, onde destaca-se não só o seu poder e crueldade, mas também as suas inseguranças."

Público - faixa etária: Maiores de 18 anos.
Ingressos: R$ 20,00 (estudantes e idosos pagam meia).
Estréia: 14 de outubro de 2008, 19h30min.
O espetáculo estará em cartaz todas as terças e quartas-feiras do mês
de outubro e novembro.
Duração aproximada: 01h30min
Teatro SESI: Av. Graça Aranha, 01, Centro - Rio de Janeiro
(estacionamento em frente)
Capacidade de público: 400 pessoas
Bilheteria do teatro: (21) 2563-4546/4166

No elenco:
Evandro Miúdo
Bruno Araujo
Bruna Meldau
Silvio Mattos
Márcia di Milla
Ana Cecília Reis
Grande Otelo Filho
Júlio Targueta
Diogo Pivari
Vinícus Tangerini
Kell Moura
Ellysa Movara.


Mais informações pelo telefone (21) 8603-8660 ou no site
http://www.ctad.com.br/em_cartaz.php

Governo cria programa de ensino superior à distância com nova tecnologia e transmissão online

Evento será transmitido no segundo canal digital da TV Cultura, em HDTV, pela primeira vez no Brasil e também na internet. O sistema é o mesmo que será usado nas aulas



Nessa quinta, dia 9/10, a partir das 16h30, acontecerá a cerimônia que oficializa a criação da Univesp, a Universidade Virtual do Estado de São Paulo, que já em 2009 oferecerá 6.600 vagas em pedagogia e licenciatura pelas universidades públicas paulistas USP, UNESP e UNICAMP.

O evento será transmito pela TV Cultura, parceira da Univesp, pela primeira vez no Brasil, através do segundo canal digital da emissora, inaugurando a multiprogramação no país. O sistema é o mesmo que será usado nas tele-aulas que farão parte do programa de ensino das disciplinas.

Além disso, o evento também poderá ser acompanhado pela Internet, pelo link www.tvcultura.com.br/univesp, que será também meio usado pela universidade virtual a partir do ano que vem.

O Univesp é formada pela parceria das universidades estaduais paulistas e a TV Cultura para oferecer cursos de graduação e pós-graduação utilizando as novas tecnologias de informação e comunicação (NTICs). Será implementado pelas universidades públicas paulistas - USP, UNESP e UNICAMP - e conta com o importante apoio da TV Cultura (Fundação Padre Anchieta), da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) e da Fundação do Desenvolvimento Administrativo Paulista (FUNDAP).

O programa vai criar, em 2009, cinco mil vagas no curso de graduação em pedagogia para professores em exercício, a ser desenvolvido pela Unesp (Universidade Estadual Paulista). Também serão oferecidas 700 vagas na licenciatura em biologia e 900 vagas na licenciatura em ciências, ambas na USP. Somadas, são 6,6 mil vagas novas no ensino superior paulista, uma vez aprovados esses cursos pelas instâncias competentes das universidades.

Simultaneamente, serão desenvolvidos cursos de especialização voltados a professores da rede estadual de ensino, da quinta série ao Ensino Médio. Por meio de um uma parceria com a Secretaria Estadual da Educação, 110 mil docentes deverão ingressar no ano que vem em 16 cursos de pós-graduação (13 de disciplinas e três de gestão).